Intercâmbio na Austrália: o que é preciso saber para se planejar?

Tempo de Leitura: 4 minutos

Já pensou em fazer um intercâmbio para Austrália? Um dos destinos mais procurados pelos jovens nos últimos anos, o país é uma ótima opção para quem busca conhecer novas culturas e aprender um novo idioma. Além dos estudos e questões profissionais, você ainda vai ter a oportunidade de explorar um excelente polo turístico.

Ficou interessado e quer saber mais sobre o assunto? Neste artigo vamos apresentar tudo o que você precisa saber para planejar um intercâmbio na Austrália. Continue com a gente e confira!

É possível trabalhar durante o intercâmbio?

Sim! Diferente de outros países que limitam ou até proíbem o acesso dos estrangeiros às oportunidades de emprego, na Austrália você pode trabalhar durante o seu programa de intercâmbio. Isso pode ser ideal para quem precisa de um extra para se manter no exterior.

Independentemente da modalidade escolhida, os estudantes podem solicitar uma permissão especial e serem empregados em diferentes setores durante o período de duração do seu curso.

Para isso, você vai precisar de um visto de estudante com permissão de trabalho, o que vai possibilitar algum emprego legalmente por até 20 horas semanais, durante o período de aulas e por tempo ilimitado nas férias.

Quais são os documentos necessários para o intercâmbio?

Existem diferentes maneiras de realizar um intercâmbio para a Austrália. Para os cursos de longa duração, o candidato precisa tirar o visto de estudante, pelo qual vai comprovar que está matriculado em uma das instituições de ensino do país para uma modalidade com duração mínima de 12 semanas, em tempo integral.

Caso você queira fazer um curso com menos de 90 dias, o que é considerado um período de curta duração, o visto comum de turista já é o suficiente para a aprovação do programa.

Na solicitação do visto, o estudante precisa explicar os motivos que o fizeram escolher a Austrália. Além disso, ele não pode ter antecedentes criminais, precisa estar em boas condições de saúde e comprovar que tem capacidade financeira de se manter no país.

Como é a cultura local?

Uma das vantagens de viajar para a Austrália é que o país tem um DNA bastante multicultural. É possível encontrar visitantes, intercambistas e moradores de diferentes partes do mundo, o que gera uma mistura bem bacana que vai deixar a sua experiência ainda mais rica.

Quando falamos em estilo de vida e até clima, algumas cidades da Austrália são bem semelhantes ao Brasil. Os australianos valorizam a qualidade de vida. Desse modo, programas como uma ida à praia, a prática de esportes nos parques e reunião dos amigos para um churrasco fazem parte da rotina.

Dependendo da cidade escolhida para o seu intercâmbio você pode pegar temperaturas bastante variadas. É possível encontrar extremos como praias belíssimas, batendo os 40 graus, e montanhas nevadas perfeitas para a prática de esportes como snowboard ou esqui.

A grande presença de estudantes estrangeiros contribui para que a Austrália seja um país super receptivo. As escolas são especializadas em ensinar o idioma para pessoas de fora e é bem fácil se manter enturmado.

Quais os benefícios dessa experiência?

Como você pode perceber até aqui, a Austrália é um verdadeiro paraíso para estudantes intercambistas. Mas para que não restem dúvidas na sua escolha, listamos a seguir os principais benefícios de investir em uma experiência nesse destino surpreendente!

Aprendizado qualificado

Nos últimos anos, a Austrália se destacou como um sinônimo de aprendizado em alto nível. Suas escolas de idiomas e universidades são reconhecidas internacionalmente pelos índices de qualidade, e o governo demonstra uma clara preocupação com o assunto.

Na tentativa de garantir um ensino cada vez melhor para os estudantes estrangeiros, o país foi pioneiro ao atrelar a aprovação de vistos com a qualidade das escolas. Além disso, existe um órgão de proteção aos intercambistas, que é responsável por controlar as matriculas em escolas locais.

O TPS (Tuition Protect Service) garante que, caso a escola onde o estudante esteja matriculado feche por algum motivo, ele será realocado imediatamente.

Estrutura do país

A Austrália é a maior ilha do mundo e os seus índices positivos de qualidade de vida impressionam qualquer um. Imigrantes e nativos consideram o país um bom lugar para viver e se sentem seguros para executar suas atividades cotidianas.

Além da educação de excelência que já citamos acima, o transporte público funciona de forma eficiente. Nas grandes cidades, os visitantes encontram toda a infraestrutura necessária para uma viagem sem grandes preocupações.

Pontos turísticos

Nem só de estudos vive um intercambista, não é mesmo? Mas não se preocupe, pois no quesito turismo, a Austrália também tem muito a oferecer. O país é cercado de grande diversidade de belezas naturais e seus pontos turísticos já viraram cartões postais conhecidos mundialmente.

O sexto maior país do mundo conta com praias paradisíacas, clima tropical, grandes centros urbanos e cenários de tirar o fôlego, como a Ponte da Baía de Sydney, a Grande Barreira de Coral, Sydney Opera House e a Great Ocean Road.

Oportunidades de trabalho

Além do clima agradável, belezas naturais e intensa vida cultural, um dos motivos que faz a Austrália ser a queridinha dos intercambistas é a facilidade para trabalhar durante o programa de intercâmbio e possibilidade de aumentar a renda durante a viagem.

Existem diversas oportunidades de trabalho para estudantes estrangeiros e você pode encontrar a que melhor se adequar ao seu perfil e necessidades. Lembre-se que, para trabalhar legalmente, você vai precisar de um visto especial e só poderá exercer qualquer função por até 20 horas semanais.

Para deixar a sua experiência de intercâmbio ainda mais especial, busque o suporte e orientação de uma agência especializada, que dará todas as dicas para manter a organização do planejamento até a experiência final no seu destino. Vale a pena contar com esse diferencial!

E agora que você já sabe todas as informações sobre o intercâmbio para Austrália, que tal conferir outras dicas incríveis que vão ajudar —  e muito! — na sua experiência no exterior? Confira o nosso próximo artigo e confira o nosso guia completo sobre intercâmbio!

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado

Comece a escrever e aperte enter para buscar