Confira os 5 principais motivos para trancar a faculdade

Tempo de Leitura: 4 minutos

Ao terminar o ensino médio, muitos jovens se veem pressionados a escolher um curso e iniciar a universidade, mesmo que ainda não façam ideia de qual carreira desejam seguir. Essa entrada apressada no ensino superior, somada a inúmeros outros fatores, faz com que haja muitos motivos para trancar a faculdade e que essa prática seja cada vez mais comum.

É importante dizer que trancar a faculdade não significa abandonar os estudos. Grande parte dos estudantes voltam para a graduação depois de parar por um tempo e resolver as suas pendências ou desejos.

Se você está pensando em trancar a faculdade, saiba que não é o único. As causas são várias e, para que você não se sinta sozinho nessa e conheça algumas, selecionamos os 5 principais motivos para trancar a faculdade. Quer saber quais são eles? Então, é só continuar lendo!

1. Problemas financeiros

Um dos principais motivos para trancar a faculdade são os problemas financeiros. Um curso superior completo não é barato e, muitas famílias, precisam fazer grandes esforços para conseguir pagar as mensalidades.

Mesmo com um bom planejamento, muitas vezes, acontecem imprevistos que fazem com que o plano financeiro necessite ser revisto. Como a universidade tem um custo alto, em grande parte das vezes é mais vantajoso trancá-la por um período do que negociar o valor da mensalidade e arcar com juros.

Além disso, alguns estudantes necessitam pagar do próprio bolso a mensalidade. Neste caso, o planejamento precisa ser mais detalhado ainda, já que quem ainda está estudando tende a ter uma renda mais baixa do que aqueles que já estão formados.

2. Rotina estressante

Foi-se o tempo que o estudante se dedicava exclusivamente à universidade. No cenário atual, a maioria precisa dividir as horas do dia entre a aula presencial, o trabalho, as horas de estudos em casa, a academia e, se sobrar tempo (e disposição), o lazer.

Essa rotina repetida por muitos meses e anos acaba sendo bastante estressante. Por esse motivo, é muito comum que em algum momento durante a graduação os alunos tranquem a faculdade para ter um tempo maior para si.

Esse semestre ou ano trancado dá um fôlego extra, e permite que o estudante consiga organizar melhor a sua rotina, encaixando o trabalho e os estudos de forma harmoniosa. Esse é mais um exemplo em que o trancamento da faculdade acaba sendo positivo.

3. Dúvidas quanto à escolha do curso

Um dos motivos mais comuns para que a faculdade seja trancada é a dúvida a respeito do curso. Devido a cultura do Brasil de que os estudantes devem entrar na faculdade logo após acabar o ensino médio, muitos jovens acabam escolhendo um curso “só porque precisam fazer uma graduação”.

Ao chegar na universidade, eles percebem que o curso escolhido não é exatamente com o imaginado, ou, muitas vezes, não é nem um pouco parecido com o que o jovem pensava. Esse é um dos motivos clássicos relacionado a escolha do curso para se trancar a faculdade.

Há também aqueles estudantes que sempre tiveram certeza que gostariam de seguir uma profissão, mas quando iniciam o curso começam a ficar em dúvida. Outro momento que gera questionamentos a respeito da escolha é quando os jovens conseguem o primeiro estágio na área. Em alguns casos eles percebem que a área de atuação não os atrai.

Essas são apenas algumas possibilidades que envolvem a dúvida quanto à escolha do curso e que podem levar ao trancamento da faculdade. Existem ainda muitos outros motivos.

4. Necessidade de se especializar

A necessidade de se especializar durante a universidade é um dilema que acaba levando ao trancamento por um ou dois semestres. Muitos cursos exigem que os jovens tenham o mínimo de conhecimento sobre determinados aspectos (que muitas vezes não são ensinados na universidade) para que possam conseguir um estágio ou emprego e iniciar no mercado de trabalho.

Sem esses conhecimentos específicos, os estudantes não conseguem oportunidades. Um bom exemplo disso é o conhecimento de Excel para quem deseja trabalhar na área financeira. Falar, entender e conversar em outro idioma também é frequentemente exigido nas entrevistas de emprego. Mas esse motivo vai ser mais bem explorado no próximo tópico.

5. Desejo de estudar e trabalhar fora do país

Um dos motivos clássicos que levam ao trancamento da faculdade é o desejo de estudar e trabalhar fora do país. A necessidade de entender e saber falar inglês, espanhol e até outro idioma para o mercado de trabalho, faz com que os jovens busquem essa especialização para terem oportunidades de emprego melhores.

Além da aprendizagem da língua, o intercâmbio traz outros benefícios que fazem o trancamento da faculdade valer muito a pena! As vantagens são tantas que resolvemos fazer uma pequena listinha para que você conheça as principais:

  • tornar-se fluente em algum idioma;
  • sair da zona de conforto;
  • experimentar novas comidas e sabores;
  • conviver com pessoas de todas as partes do mundo;
  • dividir a casa com outras pessoas e aprender a respeitar os costumes e diferenças;
  • aprimorar o currículo e aumentar as chances de se conseguir um bom cargo na volta;
  • aprender a administrar o seu próprio dinheiro;
  • conhecer lugares, climas e paisagens que você nunca imaginou ver;
  • experimentar viver em um local com ótima qualidade de vida;
  • conseguir “se virar sozinho”;
  • descobrir interesses que você nunca imaginou gostar.

Os muitos motivos para trancar a faculdade que existem, muitas vezes, podem fazer sentido para algumas pessoas, mas não para outras. Por isso, saiba que muitas vezes, ao pedir a opinião de amigos ou familiares sobre o trancamento do curso, você pode receber uma resposta que não quer ouvir.

Nesse momento é importante que você siga o seu coração e lembre-se que ninguém sabe melhor do que você mesmo os motivos que o fazem escolher alguns caminhos na vida. No final, tudo vai fazer sentido.

E então, gostou do post? Agora que você já sabe que existem muitos motivos para trancar a faculdade e que, com certeza, você não é o único pensando nisso, que tal fazer com que os seus amigos também saibam disso? Compartilhe o post em suas redes sociais!

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado

Comece a escrever e aperte enter para buscar