Entenda como funciona o Intercâmbio em Família

Tempo de Leitura: 5 minutos

Morar em outro país, mesmo que seja apenas por um tempo, é uma experiência enriquecedora, afinal, é a oportunidade de conhecer uma nova cultura. Então, imagina poder fazer isso junto dos nossos entes queridos? Essa opção é bem viável por meio do intercâmbio familiar.

Para que ficar com saudade de quem ama, se você pode viver momentos de aprendizado junto a eles! É possível aprimorar o idioma, se adaptar a um novo local e com certeza tirar bons proveitos dessa experiência para o lado emocional e também profissional.

Quer saber mais sobre esse processo? Então, continue a leitura deste artigo. Nele, explicamos sobre esse tipo de vivência, falamos das vantagens e ainda damos dicas para conseguir tirar o melhor de tudo. Acompanhe!

Como é o intercâmbio familiar?

Imagina unir diversão, estudos, viagem e ainda aproveitar tudo isso junto das pessoas da sua família? Como o próprio nome já diz, o intercâmbio familiar é voltado para as famílias que querem conhecer um novo país. Os pais podem levar os seus filhos a partir dos 6 anos, que é quando as crianças já estão aptas a se comunicarem e a aprenderem bem.

Essa é uma excelente oportunidade para que ambos melhorem o idioma e conheçam lugares diferentes. Na hora dos cursos, as crianças serão separados por turmas com a mesma faixa etária e, caso os responsáveis não queiram estudar, também podem aproveitar o tempo livre para descanso e passeios, enquanto os menores aprendem uma nova língua.

As famílias podem optar por destinos como os Estados Unidos, Canadá, Irlanda, Itália ou outros e, enquanto isso, a escola vai providenciar as acomodações. Além disso, as instituições, geralmente, oferecem um suporte durante as aulas e os passeios extracurriculares.

Ou seja, essa é uma excelente chance para conseguir acompanhar toda a adaptação dos filhos em um novo cenário, passar segurança a eles e dar o apoio necessário para tornar o momento inesquecível.

Como funciona?

A viagem é uma opção bem interessante, não é mesmo? Afinal, é possível aliar o conhecimento a uma excelente experiência de férias junto daquelas pessoas que ama. Mas, antes de tudo, é preciso entender como é feito esse processo, ou seja, compreender o passo a passo necessário para conseguir tirar os melhores proveitos. Falamos sobre isso nos itens abaixo.

Escolha a instituição

Agora que já sabe o que é e se animou com a ideia, é preciso pensar em todos os caminhos para percorrer até chegar ao seu destino. O primeiro passo é verificar com a sua família qual o local que pretendem conhecer e, a partir daí, verificar todos os processos até chegar lá.

A melhor e mais segura forma de fazer um intercâmbio é contratando uma empresa do ramo, pois assim você vai lidar com pessoas que já sabem “o caminho das pedras” e que vão indicar as melhores opções. Para fazer a melhor escolha:

  • pesquise sobre as melhores firmas;
  • busque qual a avaliação dela nas redes sociais;
  • procure a opinião de pessoas que já realizaram o serviço;
  • avalie a situação dela junto aos órgãos oficiais;
  • faça comparações entre as melhores;
  • não vá apenas pelo preço: busque qualidade.

Defina o tipo hospedagem

Após optar pela melhor empresa, é preciso começar a avaliar detalhes como os tipos de moradia. É possível escolher residências estudantis, que são mais indicadas para famílias com espíritos joviais ou, para quem prefere ter mais privacidade, alugar uma casa.

Dependendo da escolha, existe até a possibilidade de ter algumas refeições inclusas. Os valores vão depender da seleção do lugar e também do tempo total da viagem. Uma opção para quem quer economizar é procurar por locais que possam alocar os seus parentes e outras pessoas, pois assim os preços ficam menores.

Determine o tempo de duração

Optou pela melhor agência de intercâmbio familiar, escolheu seu destino e definiu qual o tipo de acomodação? Então, agora é hora de pensar em quanto tempo vai ficar em outro país. Geralmente, as empresas desse meio dão o período mínimo de uma semana e o máximo não é definido, ou seja, vai depender da disponibilidade das pessoas.

O ideal, por se tratar de algo que envolve os filhos, é optar pelas épocas de férias escolares deles. Dessa forma, todos vão agregar conhecimento sem perder nenhum conteúdo importante do colégio. Dependendo da época, eles terão disponíveis até dois meses para poder aproveitar e desfrutar de todas as experiências do momento.

Faça os trâmites necessários

Depois de todos esses processos, é fundamental prestar atenção à documentação necessária para entrar no país escolhido. Dependendo da escolha, vai ser preciso tirar o visto e fazer entrevista com a imigração, como é o caso dos Estados Unidos. Então, é preciso fazer o checklist dos seguintes itens:

  • passaporte;
  • visto;
  • imigração;
  • carta de aceitação da escola;
  • seguro saúde;
  • vacinas.

Achou muita coisa? Fique tranquilo, quando opta por uma boa empresa, ela certamente vai guiar você pelos melhores caminhos e auxiliar em todos os itens necessários.

Quais as vantagens?

Agora que já tem em mente a explicação do que é e quais os trâmites fundamentais para se aproveitar o melhor do intercâmbio familiar, vamos para a descrição das vantagens. Confira!

Aprendizado estendido

Essa é uma excelente oportunidade de aprender um novo idioma e ter contato com povos diferentes do que estamos acostumados no dia a dia. E quando se faz isso junto dos parentes, todo o processo é estendido a eles também, ou seja, o aproveitamento vai ser maior.

Ajuda emocional

Muitas vezes, as pessoas têm medo de ir para outro lugar porque não consegue se imaginar longe da família. Então, estando todos juntos, é uma forma de trazer mais segurança e impedir que sentimentos como a saudade atrapalhem o desenvolvimento dos cursos.

Maior convívio

Com o dia a dia corrido, às vezes, é difícil ter um momento de qualidade com aquelas pessoas que amamos. Nesse processo, mesmo com os estudos, haverá mais tempo para aproveitar o tempo juntos, podendo conhecer lugares diferentes, fazer novas amizades e até desenvolver bons contatos profissionais.

Melhores férias

Mesmo que tenha o foco de estudar, é totalmente possível tirar um tempo entre uma aulinha e outra para curtir o país. Só de estar fora da rotina habitual, você já vai conseguir se sentir mais descansado e, com certeza, vai desfrutar das diferentes oportunidades que esse novo local oferece. É como uma espécie de férias, mas com muito aprendizado e benefícios para utilizar profissionalmente.

Neste texto, mostramos o quanto a experiência do intercâmbio familiar é enriquecedora em todos os sentidos: do aprendizado ao fortalecimento dos laços entre os envolvidos. Mas tirar o melhor desse momento, é preciso pesquisar bastante e encontrar uma boa agência, para que ela guie os melhores caminhos. Portanto, não deixe de seguir as dicas e vá logo em busca dessa vivência que vai mudar sua vida e de toda a sua família!

Procurando uma boa empresa do ramo? Então, entre em contato conosco da BIL Intercâmbios. Vamos ajudar você a tirar o melhor da viagem!

2 Comments

  • Mônica
    4 meses ago Responder

    Gostei da ideia de intercâmbio familiar.
    Porém vcs não deram o valor nem datas.
    Ficou confuso pra mim quem procurar.

    Fico no aguardo

    Mônica

    • Bil Intercâmbios
      4 meses ago Responder

      Olá Mônica, entraremos em contato no endereço de e-mail que você nos informou. Obrigada 😉

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado

Comece a escrever e aperte enter para buscar