Guia intercambio High School: saiba tudo antes de ir!

Tempo de Leitura: 8 minutos

Muitos jovens sonham em estudar em outro país e, em grande parte das vezes, eles esperam entrar ou se formar em uma universidade para viver essa experiência. O que muitos não sabem é que é possível fazer o intercâmbio High School ainda no ensino médio. Aliás, é justamente por isso que essa modalidade existe.

Para auxiliar aqueles que estão interessados em viver essa aventura, criamos este Guia de intercâmbio High School completo. Nele, mostraremos o que é esse tipo de intercâmbio, quem pode fazer, o que exatamente se estuda nessa modalidade, o que você precisa para fazê-lo, quais são as suas vantagens e muito mais! Ficou interessado? Continue a leitura!

Entenda o que envolve um intercâmbio High School

Entre os muitos tipos de intercâmbio possíveis, o High School é o único destinado para adolescentes que desejam cursar um período do ensino médio em outro país. Além de aprimorar um novo idioma, a experiência possibilita que o estudante conviva com uma nova família, faça amigos, conheça novos costumes e amadureça.

Quem pode fazer o intercâmbio de High School

O intercâmbio High School pode ser feito por jovens que tenham entre 15 e 18 anos e meio até a data do embarque. Também é necessário estar cursando o Ensino Médio no Brasil ou ter acabado de se formar.

Além das regras exigidas por cada país, o intercambista precisa querer viver essa aventura. É necessário embarcar com um espírito positivo, ser flexível, ter muita disposição e principalmente vontade de aprender.

O que se estuda nessa modalidade de viagem

Como já vimos, essa modalidade de viagem equivale ao Ensino Médio. Entretanto, para que os estudantes possam fazer a validação do ensino médio no Brasil, é preciso que eles cursem, pelo menos, cinco disciplinas. Ainda assim, as escolas não são obrigadas a aceitar a validação, por isso, o mais indicado é conversar e acertar tudo antes do embarque.

As matérias a serem escolhidas são divididas em cinco áreas e é necessário cursar pelo menos uma de cada área, sendo elas: ciências biológicas, práticas educativas, ciências exatas, estudos sociais e comunicação e expressão.

Quanto à escola, é possível optar entre High School público, particular ou público pago nos EUA. Ambas as opções são de qualidade e necessitam de pagamento. A principal diferença entre elas é que a escola particular receberá um pagamento, bem como a família que receber o estudante matriculado nessa modalidade. Já os estudantes que optam por escolas públicas não necessitam realizar o pagamento para a escola nem para a família, contudo, devem pagar as empresas que organizam o processo nos Estados Unidos e no Brasil.

Qual o prazo para não perder a inscrição do intercâmbio High School

A inscrição na escola é a principal ação para que esse intercâmbio saia do papel. Apesar da importância, muitas famílias perdem o prazo, já que o calendário escolar dos países do hemisfério norte é diferente do das escolas do Brasil. Por esse motivo, decidimos criar este tópico especificamente para lembrá-lo disso.

Não adianta no final das férias, em fevereiro, você decidir que deseja estudar fora do país em agosto, pois as inscrições das escolas já estarão fechadas. Sendo assim, trabalhe com antecedência de no mínimo seis meses para que não haja problemas na aplicação do programa e para que você consiga arrumar tudo com calma.

Quais são os principais destinos para fazer um intercâmbio High School

Muitas vezes, quando se pensa em High School, as pessoas têm a lembrança de escolas nos Estados Unidos. Isso é comum, pois existem muitos filmes e seriados que envolvem essa temática. Apesar disso, é interessante que você saiba que existem muitas possibilidades de países que podem ser escolhidos para viver essa experiência.

É possível optar por lugares que falam espanhol, alemão, francês ou inglês. Que tal se informar sobre alguns desses destinos? Confira a lista de países que preparamos para você, que são boas opções para intercâmbio High School:

  • Alemanha;
  • Argentina;
  • Austrália;
  • Áustria;
  • Bélgica;
  • Canadá;
  • Dinamarca;
  • Estados Unidos;
  • Finlândia;
  • França;
  • Inglaterra;
  • Irlanda;
  • Itália;
  • Nova Zelândia;
  • Noruega;
  • Suécia;
  • Suíça.

Como funciona a convivência em uma casa de família

Basicamente, existem duas principais hospedagens para quem vai fazer um intercâmbio High School: o boarding school, em que os alunos moram dentro da própria escola, ou a hospedagem em casa de família.

Neste tópico, vamos falar um pouco mais sobre a segunda opção, que é a maior escolha do intercambista. Para muitos estudantes, esse é o maior desafio no começo da viagem. Entretanto, com o passar dos dias e o convívio com as pessoas da casa, elas deixam de ser apenas novos conhecidos para se tornar família.

Inclusive, é comum que os estudantes criem laços com essas pessoas que duram por muitos e muitos anos. Para que tudo funcione, contudo, é necessário estar aberto a mudanças e principalmente respeitar todas as regras das famílias no intercâmbio High School. Lembre-se de que no começo pode parecer estranho alguns costumes dos membros da casa, mas aceitar que fazem parte da cultura deles, experimentar novos alimentos e novos hábitos tornarão o seu intercâmbio muito mais rico.

Conheça as vantagens de fazer um intercâmbio High School

Esse intercâmbio oferece muitos benefícios, mesmo que o seu público-alvo sejam os jovens adolescentes. Eles podem levar essa vantagem por toda a vida, por isso, é uma oportunidade única que deve ser aproveitada por todos aqueles que têm a possibilidade. Confira, a seguir, alguns desses benefícios.

Experiências pessoais

A primeira grande vantagem de fazer um intercâmbio High School são as experiências pessoais que cada estudante vive. Poder explorar uma nova cidade sozinho, se arriscar em um novo idioma, estudar em uma escola diferente, fazer amigos e controlar o dinheiro são alguns exemplos de vivências que são experimentadas no intercâmbio.

Essas pequenas mudanças preparam o jovem para encarar o futuro e moldam a sua vida. Com certeza, cada momento experimentado em um intercâmbio High School aumenta as experiências pessoais e serve de aprendizado para a vida.

Vantagens na carreira

Outro importante ponto que pode influenciar o futuro de muitos jovens e que é visto como um dos grandes benefícios do intercâmbio High School é a vantagem na carreira. Com o mundo globalizado, falar mais de um idioma é quase uma obrigação para quem quer ter um bom lugar no mercado de trabalho e fazer sucesso na carreira.

Mesmo que a profissão escolhida não tenha uma interação direta com o exterior, as melhores informações sobre assuntos diversificados, livros e artigos ainda são publicados em outro idioma, normalmente, o inglês. Até sair a tradução, muitas vezes, já se tem novas ideias lançadas no mercado. Sendo assim, quem domina outra língua está sempre à frente.

Além do idioma, as empresas também veem vantagem na hora de contratar um jovem que já teve experiência de intercâmbio. Isso porque, em grande parte das vezes, elas consideram essa pessoa mais preparada, já que ela teve que assumir responsabilidades na vida desde cedo. 

Prepare tudo para o intercâmbio High School

Agora que você já sabe o que envolve um intercâmbio High School e quais são as suas vantagens, chegou o momento de se preparar para que essa missão aconteça da melhor forma possível. A seguir, listamos alguns itens que precisam estar em sua organização.

Tenha em mente que esses são alguns pontos indispensáveis que devem estar em seu planejamento. Mas você pode aumentar essa lista sem problema algum. Lembre-se de que quanto mais você organizar tudo, menores as chances de que algo saia de uma forma que você não gostaria. Por isso, mãos à obra!

Documentação e passaporte

O primeiro passo é se inscrever no programa e preencher a application, que seria um dossiê sobre o aluno. Essa ação é fundamental, pois é a partir dela que será definido o aceite ou não do estudante no programa, por isso, tudo precisa ser muito bem preenchido.

O candidato deve caprichar e se preocupar em se apresentar da melhor forma possível. A application envolve a realização de vacinas, exames médicos, recomendação de professores, fotos e tudo o que diz respeito a vida do futuro aluno do programa de High School. Por ser tão importante é essencial contar com a ajuda de uma boa agência, que possa auxiliar para que a documentação fique a melhor possível.

Depois de receber o aceite no programa o estudante que não tem passaporte dentro da validade deve dar entrada na solicitação do seu. Para sair do país, o passaporte precisa valer, pelo menos, pelos próximos seis meses a partir da data do embarque.

Além disso, é necessário realizar a aplicação do visto de estudante. Cada país tem seus próprios requisitos para fornecer o visto, por isso, mais uma vez, a melhor maneira de evitar problemas é buscando a ajuda de uma agência especializada em intercâmbio High School.

Planejamento dos gastos

Sabemos que um intercâmbio não é barato e que muitas famílias precisam fazer um esforço para que ele caiba no orçamento. Por esse motivo, planejar sempre é a melhor opção. Nesse caso, indicamos que seja feita uma planilha para computar todos os gastos.

Para facilitar, você pode dividir os gastos que precisam ser feitos ainda do Brasil e aqueles que serão feitos já no destino. Confira a lista dos possíveis itens, a seguir.

Gastos antes do embarque:

  • passaporte e documentação;
  • seguro-saúde;
  • escola;
  • passagem aérea;
  • serviços da agência de viagem;
  • malas e itens pessoais para levar na viagem.

Gastos durante o intercâmbio:

Formas de levar o dinheiro

Outra preocupação da família deve ser com a forma de levar o dinheiro para o exterior. Para que não haja nenhum risco de perder uma quantia alta, não é recomendado que o jovem leve todo o dinheiro em espécie.

A melhor forma para que a família possa ficar tranquila é disponibilizar um cartão de viagem para que possam ser feitos saques no exterior. Além disso, o uso de cartão de crédito com um limite específico também pode ser disponibilizado. O ideal é equilibrar o dinheiro disponível em diferentes fontes, assim, caso haja algum problema, é possível continuar se mantendo pelos outros meios até que seja resolvido.

Prazo de inscrição na escola

Como muitas pessoas precisam adiar o intercâmbio por perder o prazo de inscrição no exterior, esse item não poderia ficar de fora do nosso planejamento. Por isso, pegue o calendário e deixe marcado a data limite para fazer a inscrição, para que seja possível participar do intercâmbio em tempo hábil, de acordo com o calendário escolar do país desejado.

Para facilitar, essa data costuma ser pelo menos com seis meses antes do início das aulas. Lembrando sempre que, nos países localizados no outro hemisfério, o calendário escolar é invertido, tendo início em agosto.

Informações sobre os destinos

Além das formalidades, você também precisa colocar as informações sobre o destino no seu planejamento, certo? Sugerimos que você crie uma pasta somente para isso em seu computador. Busque dicas sobre os destinos para intercâmbio pretendidos e deixe tudo armazenado ali.

Mesmo que você mude de destino, pode ser que, em algum momento, conheça alguns dos lugares pesquisados. Então, nada melhor do que armazenar as informações. Pesquise sobre os pontos turísticos, os melhores restaurantes, eventos esportivos, costumes da região. E se você estiver em dúvida sobre o destino, essa é uma boa maneira de conseguir decidir qual local mais se encaixa com o seu perfil.

Escolha o intercâmbio High School da forma certa

Se você chegou até aqui é porque já sabe tudo sobre intercâmbio High School. Agora é o momento de acertar na escolha e isso envolve selecionar muito bem a agência de intercâmbio no Brasil que auxiliará em todo esse processo.

A seguir, veja o que você precisa observar na hora da sua busca para avaliar a agência de intercâmbio da melhor maneira possível.

Veja o tempo em que a agência está no mercado

Embora as melhores agências um dia também tenham começado no mercado, é mais confiável optar por uma que esteja há mais tempo no mercado. A BIL Intercâmbios é um exemplo de longevidade. Atuando desde 1985, a empresa é especialista no programa High School.

Certifique-se de que a agência tem o selo Belta

Além da longevidade, outra característica que transmite segurança é o selo do Brazilian Education & Language Travel Association (selo Belta). Esse é o órgão responsável por regularizar todas as agências de viagem no Brasil. Sendo assim, antes de começar a pesquisar sobre as suas opções, entre no site do órgão e faça essa verificação.

Confira se a agência presta atendimento individual

Outro diferencial importante entre algumas agências é o oferecimento de um atendimento individual e especializado. Algumas empresas acabam formando apenas grupos, não oferecendo esse cuidado com cada pessoa de maneira mais pessoal.

Uma viagem de intercâmbio é um passo importante, por isso, escolher uma agência que conheça o viajante e que dê apoio durante todo o processo, inclusive durante a viagem, é essencial para o sucesso da experiência.

Fazer um intercâmbio High School é uma decisão importante. Ao final de todo o processo e após viver essa experiência maravilhosa, temos certeza de que a sensação será de que tudo valeu a pena. Para que tudo dê certo, não se esqueça de planejar cada detalhe com antecedência, pesquisar sobre o local, conversar com pessoas que já viveram a experiência e buscar uma agência de confiança.

E então, está preparado para começar a planejar o seu intercâmbio High School? Não passe por tudo sozinho, entre em contato com a BIL Intercâmbios, que ajudaremos em todas as etapas desse sonho!

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado

Comece a escrever e aperte enter para buscar